sexta-feira, 28 de maio de 2021

Quando procurar um médico nutrólogo ?

Talvez essa seja uma das perguntas mais frequentes que nós Nutrólogos ouvimos. Só perde para a clássica pergunta: Qual a diferença entre o Nutrólogo e o Nutricionista?

Porém, um aviso, antes de consultar com um médico que se diz NUTRÓLOGO verifique se ele realmente é um Nutrólogo. É simples, basta uma consulta ao Site do Conselho Federal de Medicina na parte: Buscar médicos. https://portal.cfm.org.br/busca-medicos/

Digite o nome do médico lá. Caso ele seja especialista em Nutrologia estará descrito no site (o Número do Registro de Qualificação de especialista - RQE). Ou através do site da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN): http://abran.org.br/busca_medicos/
 
Afinal, quais doenças e situações a presença e o acompanhamento com um Nutrólogo pode ser útil:
 
👉🏻 Pacientes críticos e internados em UTI, necessitando de suporte nutricional para melhorarem o prognóstico e evitarem complicações (ex. sarcopenia) após a alta hospitalar.
 👉🏻 Pacientes restritos ao leito hospitalar e que necessitem de suporte nutricional adequado.
 👉🏻 Pacientes que foram ou serão submetidos a cirurgias, principalmente as de grande porte. 
 👉🏻 Pacientes saudáveis que desejem verificar os níveis de nutrientes: check up nutrológico baseado no inquérito alimentar feito durante a consulta.
 👉🏻 Pacientes que não conseguem ingerir comida por via oral (pela boca) e necessitam de sonda nasogástrica/nasoenteral ou por via endovenosa (na veia). Gastrostomia ou jejunostomia.
 👉🏻 Baixa massa muscular: sarcopenia.
 👉🏻 Sobrepeso e Obesidade em todos os seus graus.
 👉🏻 Síndrome metabólica, Esteatose hepática, Diabetes, Dislipidemias.
 👉🏻 Pré e pós-cirurgia bariátrica.
 👉🏻 Transtornos alimentares: Compulsão alimentar, Bulimia, Anorexia, Vigorexia, Ortorexia.
 👉🏻 Alergias alimentares e Intolerâncias alimentares (lactose, frutose, rafinose e sacarose).
 👉🏻 Anemias carenciais (por falta de ferro, de vitamina B12, de ácido fólico).
 👉🏻 Vegetarianos, ovolactovegetarianos, lactovegetarianos, veganos, reducitarianos. 
 👉🏻 Constipação intestinal, Diarréias crônicas.
 👉🏻 Disbiose intestinal, Síndrome de Supercrescimento bacteriano do intestino delgado (SIBO).
 👉🏻  Síndrome do intestino irritável.
 👉🏻  Doença de Crohn e Retocolite ulcerativa.
 👉🏻 Acompanhamento nutrológico pré-gestacional, gestacional e no pós-parto.
 👉🏻 Infertilidade (aspectos nutrológicos).
 👉🏻 Cardiopatas: hipertensão arterial, insuficiência cardíaca, insuficiência coronariana (angina), arritmias, aspectos nutrológicos.  
 👉🏻 Pneumopatas (Asma, Enfisema) aspectos nutrológicos.  
 👉🏻 Nefropatas (Insuficiência renal aguda, crônica, pacientes em hemodiálise, litíase renal) aspectos nutrológicos. 
 👉🏻 Hepatopatas (aspectos nutrológicos).
 👉🏻 Osteoporose ou osteopenia.
 👉🏻 Orientações nutrológicas para portadores de doenças autoimunes (artrite reumatóide, lúpus, hashimoto, psoríase, vitiligo).
 👉🏻 Orientações nutrológicas para portadores de HIV ou em uso de PREP.
 👉🏻 Pacientes com câncer
 👉🏻 Queda de cabelo e unhas quebradiças
 👉🏻 Pacientes com acne, rosácea, dermatite de contato (aspectos nutrológicos)  
 👉🏻 Atletas ou pacientes que queiram melhorar a performance na prática de atividade física (amadora ou profissional). 
 👉🏻 Pacientes que desejam perder gordura abdominal ou hipertrofiar a musculatura sem uso de anabolizantes ou chips hormonais

OBS: Não são todos os Nutrólogos que tratam essas condições/situações. Verifique antes se o médico nutrólogo em questão tem experiência em determinada área. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário