sábado, 24 de agosto de 2013

Baixas doses de vitamina D podem levar a problemas físicos na velhice

Pessoas com deficiência de vitamina D ao longo da vida podem sofrer com mais problemas físicos na velhice, o que pode dificultar a realização de tarefas diárias, tornando o idoso mais dependente.

Segundo pesquisadores holandeses, a maior parte das pessoas no mundo não consome a quantidade adequada de vitamina D. Publicado no Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism, o estudo revelou que os idosos com deficiência dessa vitamina são mais propensos a ter, pelo menos, um problema funcional, como dificuldade de se locomover pela casa de forma independente, quando comparados com aqueles com níveis saudáveis da vitamina.

Os pesquisadores da Universidade Livre de Amsterdã explicam que idosos com limitações físicas são mais propensos a serem admitidos em lares de repouso e enfrentam maior risco de mortalidade.

O estudo mostrou que 90% dos indivíduos idosos têm deficiência em vitamina D. Essa ajuda na constituição óssea e muscular, além de auxiliar na prevenção de doenças ósseas, como a osteoporose. A vitamina pode ser encontrada em alimentos como óleos de fígado de peixes, em peixes gordurosos, cogumelos, gemas de ovo e fígado de animais. O sol estimula o corpo a produzi-la e, algumas indústrias, a adicionam no leite.

Fonte: http://www.sissaude.com.br/sis/inicial.php?case=2&idnot=18987

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget