terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Poluição de ambientes internos (poluição indoor)


Resumo

Objetivo: Abordar alguns aspectos da poluição do ar em ambientes internos e sua influência sobre a saúde dos indivíduos, dando maior ênfase aos efeitos sobre o aparelho respiratório. Esta é a segunda parte de
uma revisão sobre poluição (a primeira foi publicada na edição anterior  da Revista Brasileira de Alergia e Imunopatologia).

Fontes de dados: Artigos originais, revisões e consensos indexados nos bancos de dados PubMed, Medline e SciELO nos últimos 30 anos, assim como a linha de pesquisa desenvolvida pelos autores no Laboratório Multidisciplinar da Universidade Federal do Rio de Janeiro para a elaboração de suas teses de doutorado.

Síntese dos dados: Crescentes evidências demonstram que a exposição a certos poluentes aéreos pode aumentar a resposta a alérgenos, fazendo com que indivíduos com doenças respiratórias (asma
e/ou rinite) sejam especialmente susceptíveis ao impacto dos poluentes intra ou extra-domiciliares.

Comentários: O conhecimento dos mecanismos através dos quais a poluição agrava os sintomas da rinite e da asma e sua provável relação com o aumento da prevalência dessas doenças é fundamental na implementação de medidas apropriadas de prevenção.

Rev. bras. alerg. imunopatol. 2011; 34(3):83-89: Poluição atmosférica, poluição de ambientes internos, asma, rinite.

Link pro artigo original: http://www.asbai.org.br/revistas/vol343/V34N3-ar02.pdf

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget